Preciso, Real SL vence Timbers; Vancouver e Galaxy ficam no empate

Grabavoy-fez-o-gol-da-vitória

Real Salt Lake e Portland Timbers fizeram o “jogo da rodada” mais bem disputado. As equipes mostraram suas forças e apresentaram o motivo de serem candidatas ao título desse ano.

Mesmo fora de casa o Portland conseguiu criar mais e melhores chances de gol, tanto que Rimando foi eleito o melhor do jogo. O goleiro fez excelentes defesas e garantiu o zero no placar pelo lado dos Timbers, o que não aconteceu com o Real.

Aos 35′ do segundo tempo, Grabavoy avançou com a bola e de fora da área bateu cruzado e, mesmo de esquerda, acertou no “cantinho” e fez o único gol do jogo.

No belo estádio coberto BC Place, Vancouver Whitecaps e Los Angeles Galaxy não demonstraram um bom futebol, mas ofereceram boas emoções ao público.

Gargan levantou na área, Husidic ajeitou de cabeça e Ishizaki fez Galaxy 1 a 0.

No segundo tempo o zagueiro brasileiro Leonardo se atrapalhou com Penedo e Mattocks aproveitou o gol sem proteção para deixar tudo igual. Pressionando o adversário, o Galaxy marcou o segundo. González levantou na área, o grandalhão Noonan escorou para Keane estufar as redes.

Em bom ataque, Noonan rolou para Keane bater, mas Ousted fez defesa importante. Logo em seguida, ataque canadense. Kekuta recebeu na área, aproveitou a cobertura errada de Gargan e do brasileiro Marcelo Sarvas, ajeitou e bateu forte, cruzado, para definir o placar em 2 a 2.

Chivas dá trabalho, mas sofre virada do Seattle

Oba-Oba Martins e Kennedy em jogada

Parecia que o Chivas venceria o invicto Seattle, parecia… A equipe californiana até jogou melhor que seu adversário, mas a arbitragem polêmica contribuiu para que o Sounders conseguisse a vitória.

Logo aos 3 minutos de bola rolando o árbitro Ismail Elfath anotou um pênalti duvidoso para Chivas, Erick Torres cobrou com categoria e fez 1 a 0. Aos 24′, bola levantada na área do Chivas, o goleiro Kennedy erra e solta bola para Dempsey, que chuta, acerta a defesa adversária e Neagle empata. Ainda no primeiro tempo o Chivas tem um gol anulado de forma questionável.

No segundo tempo o time da casa seguiu melhor, mas teve Delgado expulso aos 32′. Após dividida com Pineda, o árbitro deu cartão vermelho direto ao jogador do Chivas, decisão considerada rigorosa demais. Com um a menos, o Chivas recuou e praticamente aceitou a melhora do Sounders. Pouco tempo depois da expulsão, Dempsey passou para “Oba-Oba” Martins que tocou com tranquilidade por cima de Kennedy e virou o jogo em 2 a 1, fechando o placar.

Sporting atropela Montreal

Dwyer (e), que fez 2 gols, disputa jogada com Felipe Martins (d)

A expectativa era que Sporting Kansas City e Montreal Impact fizessem um jogo parelho, mas foi só a bola rolar para começar o massacre do Sporting.

O Montreal teve uma uma excelente chance de abrir o placar, mas o brasileiro Felipe Martins preferiu o passe para Di Vaio ao invés do chute e o italiano, sem goleiro, bateu mal, ajudando o zagueiro Collin a evitar o gol antes da linha.

Aos 31 minutos, Besler cobrou lateral na área e na tentativa de afastar, o volante Mallace desviou de cabeça e encobriu Perkins, 1 a 0 para o Sporting. Di Vaio ainda teve uma boa chance para empatar em chute dentro da área, mas mandou pra fora.

No segundo tempo, após outro arremesso lateral de Besler, a bola sobrou para o zagueiro artilheiro Collin, que chutou de esquerda e contou com certa contribuição de Perkins para ampliar o placar. Três minutos depois, cruzamento rasteiro da direita e Dwyer, de carrinho, fez 3 a 0. Aos 41′, Zusi cruzou da esquerda, Perkins não saiu do gol e Dwyer, praticamente na pequena área, cabeceou para fazer seu 2º gol no jogo, o quarto de sua equipe.

Outros dois jogos terminaram empatados por 1 a 1: Chicago Fire x New England Revolution e Columbus Crew x DC United

Dallas vira sobre Toronto e lidera Conferência Oeste

Jogadores do Dallas celebram gol de empate

Em um dos principais confrontos da rodada, Dallas e Toronto demonstraram bom futebol, com jogo de muitas alternativas, e o time da casa conseguiu mais 3 pontos sobre o rival.

O Toronto foi quem marcou primeiro. Issey aproveitou rebote de seu próprio chute, contou com desvio na zaga e fez 1 a 0 aos 20 minutos de jogo. Dezesseis minutos depois, o brasileiro Michel cobrou escanteio preciso e Hedges desviou na primeira trave para empatar. Issey ainda colaborou com o gol adversário, ao não saltar para tirar a bola.

No segundo tempo o jogo abriu e as equipes jogaram através de contra-ataques. Como de costume, o jogo foi decidido nos minutos finais, algo que tem acontecido bastante na atual temporada da competição. Aos 43′, Michel cobrou falta do meio de campo para a área, Keel desviou, a bola foi alta na pequena área, Hedges ganhou na disputa de cabeça e o matador Blas Pérez mandou para as redes.

Os jornalistas que estavam no campo questionaram se Júlio César errou ao não sair do gol quando a bola estava alta em direção à pequena área no lance do gol da virada do Dallas, mas o brasileiro foi mais uma vez elogiado por suas reposições.

Os jogos entre Philadelphia Union x Houston Dynamo e Colorado Rapids x SJ Earthquakes terminaram empatados pelo placar de 0 a 0. O San Jose é o lanterna de sua Conferência, com um de seus piores começos de temporada dos últimos anos.

Welcome to Atlanta!

atlanta-2

Orlando e NY em 2015; Miami, provavelmente, já no ano seguinte; e, a partir de 2017, o futebol de elite dos Estados Unidos terá lugar também em Atlanta. Dando continuidade ao seu processo de expansão, a Major League Soccer-MLS deu as boas vindas hoje (16) àquela que, daqui há três anos, será a sua 23ª franquia.

O projeto é comandado por Arthur Blank, proprietário da equipe de futebol americano (NFL) Atlanta Falcons. De acordo com o empresário, os torcedores, que já podem reservar seus carnês para a temporada inaugural, terão a oportunidade de escolher nome e logo do clube, que deverá mandar seus jogos na parte de cima do futuro “New Falcons Stadium”, ocupando cerca de 30 mil dos (estimados) 65 mil lugares.

Esportivamente, o “MLS Atlanta” nasce em um cenário de competição feroz. Além do football, beisebol (Atlanta Braves, MLB) e basquete (Atlanta Hawks, NBA) são exemplos de modalidades consolidadas na cidade, que também conta com um clude de futebol – o Atlanta Silverbacks, que atual na North American Soccer League-NALS, “Segundona” da terra do Tio Sam.

Via Futebol Marketing

Campeão Mundial em 2002, Kléberson se destaca em pré-temporada nos EUA

Kléberson em ação pelo Indy Eleven

O brasileiro que atuava pelo Philadelphia Union, acertou no fim do mês passado com o Indy Eleven, equipe da NASL, uma divisão inferior à MLS, nos Estados Unidos.

Kléberson, atualmente com 35 anos, tem participado normalmente da pré-temporada com seus companheiros de novo clube. O meio-campo tem chamado a atenção de quem acompanha o dia-a-dia do clube por sua disposição e qualidade de jogo. Depois de recentes passagens apagadas no Brasil e no Philadelphia, parece que o jogador tem voltado a encontrar o bom futebol.

No último final de semana, ele estreou no amistoso contra o Indiana University, e ajudou sua equipe a vencer por 3 a 1, fazendo inclusive o 2º gol do Indy, o da virada, já que o Indiana saiu na frente. Ele deixou o campo minutos depois de seu gol e foi considerado um dos melhores do jogo.

No próximo dia 12, o Indy Eleven joga em casa contra o Carolina RailHawks em jogo válido pela 1ª rodada do NASL.

Galaxy goleia Chivas em clássico

Jogadores do LA celebram gol em vitória

O clássico da Califórnia colocou frente a frente Chivas e Los Angeles Galaxy, que goleou o rival pelo placar de 3 a 0.

O Galaxy entrou em campo buscando sua primeira vitória na competição, e fez seu terceiro clássico em 3 jogos. Envolvido pelo adversário, o time do Chivas pouco assustou ao longo dos 90 minutos. Já Galaxy mostrou que seria questão de tempo até abrir o placar, e o primeiro gol quase saiu com Marcelo Sarvas, que encobriu Kennedy, mas mandou pra fora.

Aos 37 minutos, Gargan cabeceou pra área, o goleiro Kennedy demorou para cortar o lance e Keane fez 1 a 0. Cinco minutos depois, Juninho tabelou com Donovan e fez excelente passe para Ishizaki, que tocou com categoria por cima de goleiro do Chivas e ampliou.

A segunda etapa permaneceu igual: o Galaxy trabalhando bem a bola, sem encontrar dificuldades, e o Chivas tentando se defender. Mas com dez minutos veio o gol mais bonito da partida. Boa troca de passes do Galaxy, Donovan ajeitou para Husidic que bateu firme, rasteiro, e fechou o jogo em 3 a 0. O placa só não foi mais elástico por causa da situação cômoda que os jogadores do LA se encontraram, querendo caprichar demais.

Sporting KC e Real Salt Lake empataram sem gols.

Cirúrgico, Toronto vence Crew fora de casa

Higuaín (10) jogou muito bem, mas perdeu para o time de Bradley

O Columbus Crew recebu o bom Toronto com a intenção de vencer diante de seus torcedores. Esforço não faltou e mesmo jogando melhor, sofreu o revés.

A equipe do Toronto jogou por apenas dez minutos, tempo suficiente para abrir o placar com Bradley, que recebeu na área e bateu cruzado, com força, vencendo Clark. Após o gol, o Columbus cresceu, ficou com a bola, mas sem grandes oportunidades de empate.

No segundo tempo o Crew continuou com a pressão, chegou a ter 71% da posse de bola, enquanto que o Toronto se fechou, preocupado em não sofrer gol. Apesar da postura defensiva, o brasileiro Gilberto, que se movimentou bastante, acertou o travessão aos 26′, e quase ampliou o marcador. O Crew seguia atacando, mas suas finalizações barravam sempre nos defensores canadenses.

Sem chegar ao empate, o time da casa sofreu um duro golpe. Em saída errada pela direita, Morrow ficou com a bola e cruzou rasteiro, Issey antecipou a defesa e fez 2 a 0.

Os destaques do jogo ficaram com os sul-americanos. O argentino Higuaín foi o nome do confronto, mesmo com sua equipe derrotada. Ele chamou o jogo pra si, distribuiu bem as jogadas e esbanjou classe e técnica. Os brasileiros Jackson e Gilberto demonstraram muita vontade, se movimentaram bastante; o meio-campista ajudou muito taticamente, enquanto que o atacante acreditou em praticamente todas as bolas jogadas à ele. Os dois também participaram do 2º gol do Toronto.

Montreal Impact contrata artilheiro do Philadelphia Union Jack McInerney

montreal

A equipe do Montreal Impact anunciou esta sexta-feira a contratação do atacante Jack McInerney, vindo do Philadelphia Union em uma troca por Andrew Wenger.

McInerney, de 21 años de, está na sua quinta temporada na MLS.

Antes de chegar aos Alvinegros, marcou 25 gols e registrou 4 assistências em 95 jogos pelo Philadelphia Union, incluindo 53 partidas como titular. Também marcou em outras 3 ocasiões em 6 participações na Copa Aberta dos Estados Unidos.

“Estamos muito satisfeitos de poder trazer um jogador da qualidade de Jack McInerney”, disse o diretor esportivo do Impact, Nick De Santis. “Mesmo com a pouca idade, já mostrou que pode marcar gols na liga e acreditamos que suas qualidades e seus sentidos pelo futebol encaixam com nosso estilo de jogo”.

McInerney foi o artilheiro do Union nas duas últimas temporadas. Em 2013, marcou 12 gols em 25 partidas, e ainda foi eleito para jogar com a Equipe das Estrelas contra a Roma da Itália.

São Paulo FC deve fazer amistosos nos EUA

1gazeta6

O São Paulo alugará os dois centros de treinamento que tem para seleções durante a Copa do Mundo, e terá de realizar as atividades de dia a dia do elenco no estádio do Morumbi. Sem jogos durante a pausa para o torneio, a diretoria do clube tenta encontrar uma alternativa para fazer do período livre uma fonte de receita que sirva também de preparação para o time no Brasileirão. Neste momento, o São Paulo negocia amistosos com clubes dos Estados Unidos para o mês de junho e quer tentar levar as partidas para a costa leste do pais.

A costa leste é o objetivo por abrigar maior número de brasileiros. A meta principal é um amistoso contra o New York Red Bull, por exemplo, um dos maiores clubes do país e no qual atua o atacante francês Thierry Henry, ex-Arsenal, Barcelona e carrasco da seleção brasileira na Copa de 2006. Em Nova York, o São Paulo crê que poderia encontrar uma legião de brasileiros para acompanhar o clube.

A negociação para os amistosos é feita pelo vice-presidente de futebol João Paulo de Jesus Lopes. Ele passou a última semana nos EUA e analisa possibilidades. Apesar da preferência à costa leste, houve conversas com o Los Angeles Galaxy, clube com o qual o São Paulo negociou alguns jogadores nos últimos anos – o zagueiro Leonardo e o volante Juninho permanecem – e ao qual pertence o atacante Landon Donovan, mais badalado atleta norte-americano. A costa oeste ficaria distante do itinerário ideal, mas pode ser uma solução.

Recentemente o São Paulo estreitou relações com a Federação de Futebol dos Estados Unidos, ao acertar o aluguel do CT da Barra Funda para os norte-americanos durante a Copa do Mundo. Em janeiro, a seleção nacional, treinada pelo alemão Jurgen Klinsmann, passou dez dias no local de treinos do São Paulo. O vice João Paulo de Jesus Lopes tentou algum contato com a federação para auxílio nas negociações de amistosos, mas encontrou os norte-americanos com atenções plenamente voltadas à Copa do Mundo.

Antes de realizar os amistosos na América do Norte, se confirmados, o São Paulo dará folga aos atletas. A programação é que os jogadores tenham pelo menos uma semana de descanso durante a pausa da Copa do Mundo antes de embarcarem para o exterior.

Apesar de repetir a excursão internacional, assim como em 2013, a situação é completamente distinta da vivida pelo clube no ano passado. Forçado a viajar para o Japão para a disputa da Copa Suruga – pelo título da Copa Sul-Americana em 2012 –, o São Paulo, por meio de sua diretoria, tentou fazer da viagem algo rentável. Assim, selou participações na Copa Audi, na Alemanha, contra Bayern de Munique (ALE), Manchester City (ING) e Milan (ITA), e na Copa Eusébio, em Portugal, contra o Benfica.

Apesar de ter arrecadado quase R$ 5 milhões com a excursão de 2013, o resultado fora de campo foi desastroso. O time viajou durante o Brasileirão, em meio à crise, e se viu afundar ao retornar para o Brasil, com jogadores esgotados fisicamente. Neste ano, a receita esperada é muito menor, e o elenco viajaria em período livre, sem jogos.

Via UOL

Powered by WordPress | Designed by: Themes Gallery | Thanks to best wordpress themes, Download Free WordPress Theme Online and All Premium Themes